Autenticação

Utilizador
Palavra-chave
 
 





















Área do utilizador

Agenda

« Outubro 2021 »
D S T Q Q S S
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31

Portal Académico

Moodle@ESTGV

Avaliação e Qualidade

IPV

Provedor do Estudante

Publicitação Institucional

Ficha da Unidade Curricular

Informações Gerais

 
Ano Letivo 202021
Unidade Curricular Tecnologia Mecânica II
Código1379
Departamento/área responsávelDepartamento de Eng. Mecânica e Gestão Industrial
Área cientificaMecânica e Materiais
ECTS6
Ano curricular3
Semestre curricular2º Semestre
Regime de frequênciaObrigatório
Docentes Adelino Mendes Cabral Trindade
Cristina Maria Nogueira Romão
Frequência como disciplina isolada?Sim
Horas de contacto
T TP PL TC S E OT O
13 26 19,5 - - - - -
T - Teórico;  TP - Teórico-Prático;  PL - Prática e Laboratorial;  TC - Trabalho de Campo;  S - Seminário;  E - Estágio;  OT - Orientação Tutória;  O - Outras;  
Tempo total de trabalho (horas)
159

Objetivos / Competências

Esta unidade curricular tem como objetivo conferir ao aluno um perfil baseado na aquisição de conceitos e competências que, em conjunto com outras unidades curriculares, conduzam a atos de engenharia. Em termos gerais os alunos que obtenham aproveitamento ficarão habilitados para selecionar processos, aplicar técnicas, conduzir o projeto para o fabrico de peças e de avaliar a qualidade dos componentes produzidos por pulverotecnologia, fundição e soldadura. Assim, nestas áreas dos processos de fabrico, o aluno deve obter as seguintes competências:
- Selecionar técnicas e equipamentos necessários para uma dada aplicação industrial;
- Organizar, planear, implementar e acompanhar os diferentes processos de fabrico;
- Controlar os diferentes parâmetros inerentes a cada processo;
- Otimizar técnicas associadas a cada processo.

Conteúdos programáticos resumidos

PULVEROTECNOLOGIA
Conceitos básicos, técnicas e processos.

FUNDIÇÃO
Conceitos básicos, técnicas e processos.
Projecto de peças, modelos e moldações.

SOLDADURA
Conceitos básicos, técnicas e processos.
Soldabilidade metalúrgica e construtiva. Soldabilidade de aços, alumínios, ...
Corte térmico.
Brasagem.

Metodologias de ensino e critérios de avaliação

A metodologia de ensino combina uma parte inicial expositiva das matérias com o reforço de casos reais de aplicação das respetivas tecnologias. A sua implementação é efetuada com recurso à projeção de diapositivos e/ou a meios audiovisuais e à realização de demonstrações experimentais. É estimulado um ensino participativo através da resolução de questões e de exercícios de aplicação, da análise de situações reais e da realização de trabalhos práticos. A abordagem profissional éproporcionada por intermédio de visitas de estudo a diferentes empresas do setor. Com o objetivo de estimular a comunicação escrita e verbal são elaborados relatórios e efetuadas apresentações dos trabalhos. O material de apoio é disponibilizado na plataforma Moodle. A avaliação é feita com base na soma ponderada da classificação de uma prova teórica (PT), de trabalhos práticos (TP) e da qualidade de participação nas aulas (QP), do seguinte modo: Classificação final = 0,5*PT+0,4*TP+0,1*QP

Bibliografia resumida

Ferreira, José Carvalho, “Tecnologia da Pulverometalurgia”, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa (621 FER).

Ferreira, José M. G. De Carvalho, “Tecnologia da Fundição”; Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa (621 FER).

Trindade, A., "Sebenta de Apoio da Unidade Curricular de Tecnologia Mecânica II - Soldadura" 3º ano do Curso de Licenciatura em Engenharia Mecânica, ESTV - 2016.

Oferta Formativa

Candidaturas

Matrículas - Concurso
Nacional de Acesso

Inscrições Letivas

Departamentos/Área

Serviços Académicos

Serviços Informática

Biblioteca

Redes Sociais Facebook e Google+

ESTGV no Facebook


ESTGVno Google+
Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu
Campus Politécnico
3504-510 Viseu

Telefone: +351 232480500
Fax: +351 232424651
E-mail: estgv@estgv.ipv.pt

Ver mapa maior